introversos' book cover

Os monges e eu

Os monges, reclusos,
dentro de monastérios,
meditam silenciosamente,
buscando o momento
para sentir a iluminação.

Eu, recluso,
dentro de mim,
medito silenciosamente
sentindo o momento
para buscar a inspiração.

< Ao mar O poeta >

Este poema é parte do livro Introversos: versos da cabeça de um introvertido.

Leia online Leia no Kindle

interversos' book back cover